Democracia Fortaleza

Na tarde desta terça-feira, no estádio Alcides Santos, membros do movimento Democracia Fortaleza se reuniram novamente com a diretoria do Fortaleza Esporte Clube. Desta vez, o movimento foi ao encontro para apresentar a contraproposta ao convite de composição à atual gestão, que foi recusada pela presidência do clube.

Após convite realizado pelo presidente do Fortaleza Esporte Clube, no dia 29 de outubro, em reunião do Conselho Deliberativo, o movimento Democracia Fortaleza se reuniu com a atual diretoria na última terça-feira (5), no Pici. Na ocasião, o mandatário tricolor, por vontade própria, fez um convite de composição ao movimento Democracia Fortaleza, através de cargos nas diretorias de finanças e de patrimônio.

Na quarta-feira (6), os membros do movimento se reuniram para discutir acerca do convite e definir posição. Em decisão democrática, o movimento Democracia Fortaleza optou por realizar uma contraproposta, que foi apresentada nesta sexta, em documento formal, e negada pela atual diretoria do clube.

A Democracia Fortaleza não propôs uma composição apenas para conquista de cargos internos ou união pela convivência pacifica. A Democracia Fortaleza só acredita em uma composição que lhe permita implantar no Fortaleza Esporte Clube o profissionalismo e a democratização.

Nesse sentir, a proposta de união apresentada pela Diretoria Executiva - da forma como foi proposta - não nos permitirá contribuir plenamente para a construção de um clube renovado.

Na reunião desta sexta-feira, o movimento Democracia Fortaleza foi representado por sete membros: Bruno Bayma, Demetrius Ribeiro, Di Angellis Morais, Eduardo Salles, Flávio Novais, Jonas Girão e Marcello Desidério.

Segue, em anexo, a contraproposta apresentada pelo movimento Democracia Fortaleza à presidência do clube.


Informações à imprensa:
Afonso Ribeiro: 9910.5775 / 8812.9840
Neusa Pires: 9771.9258 / 8705.2838
Assessoria de imprensa do movimento Democracia Fortaleza

Comentários