Em Paracuru


A Polícia cearense começa a investigar nesta segunda-feira (25) a morte do kitesurfista lituano Simonas Agintus, de 32 anos de idade. Ele foi encontrado morto dentro de sua casa em Paracuru, cidade praiana distante 75 quilômetros de Fortaleza. Simonas foi assassinado a tiros de revólver na madrugada deste sábado (23), quando estava em casa com resfriado. A Polícia suspeita de uma tentativa de assalto à casa do lituano e que ele teria reagido e por isso levou dois tiros fatais.
Simonas estava no Brasil há 35 dias, quando chegou para praticar kite com outros lituanos já que residiam em Paracuru. Os amigos de Simnas sairam para uma festa na noite de sexta para sábado e o lituano ficou em casa, pois estava resfriado. O corpo dele está na Perícia Forense de Fortaleza, aguardando reclamação da família para sepultamento.
A mãe de Simonas, Janina Agintiené, assim que soube da morte do filho postou no facebook: "Inesperadamente, partiu de repente tua canção. Tua vida foi interrompida em uma terra estrangeira. Meu coração permanecerá constante e apenas a grandes dores esperança eterna, amor, paz e felicidade do céu. Descanse em paz eterna e luz, querido filho".

Comentários